LGPD como se adequar – quem é o DPO?

LGPD como se adequar – quem é o DPO?

Para se adequar à LGPD – (Lei Geral de Proteção de Dados) muitos empresas vão precisar contratar um DPO – Data (Protection Officer). Mas afinal, quem é esse profissional? Será que a sua empresa vai precisar desse serviço? É isso que vamos responder nessa postagem?

Saiba mais: LGPD descomplicada

Neste post você vai ver!

  • Quem é o DPO
  • Como saber se a sua empresa precisa deste profissional?
  • Como um advogado pode ajudar?

Quem é o DPO

O DPO é conhecido como o guardião dos dados, ou seja, é a pessoa que administra a coleta e armazenamento dos dados das empresas. Este profissional também cuida para que o descarte de dados seja feito de forma segura e garante que não haja vazamentos.

É fundamental que o DPO tenha amplo conhecimento da legislação, esteja ciente das informações de governança da empresa e entenda muito sobre segurança da informação.

No Brasil, existem dois tipos de DPO – o operador de dados, que é quem coleta e faz a manutenção dos dados. E também o controlador de dados que é o profissional que fiscaliza e garante que não haja nenhuma irregularidade na operação.

Mas será que a sua empresa precisa de um DPO nesse momento? É isso que vamos responder no próximo tópico.

Saiba mais: Entenda a importância da LGPD para o seu negócio

Como saber se a sua empresa precisa deste profissional?

De acordo com a LGPD, todas as empresas que armazenam, coletam ou processam dados pessoais precisam ter um DPO. Segundo Pesquisa Global de Qualidade de Dados de 2020, 85% das as organizações veem os dados como um dos ativos mais valiosos para seus negócios.

Por exemplo, um contador que mexe diretamente com dados bancários e financeiros precisa de um DPO para garantir a segurança dessas informações. Bem como, empresas que lidam com tecnologia.

Agora se a sua empresa tem um trabalho de marketing digital e coleta dados, independente da área de atuação, ela vai precisar de um DPO para armazenar, cuidar e descartar os dados de forma segura.

Saiba mais: Por que a sua empresa precisa entender a LGPD?

Como um advogado pode ajudar?

O advogado com especialização em tecnologia da informação pode ser um ótimo DPO, além de ajudar a implementar a LGPD como um todo. Caso você queira contratar outro profissional para essa função, o advogado pode auxiliar nessa contratação, verificando se o candidato realmente tem o domínio necessário da legislação para a função.

Espero que tenha gostado dessa postagem, continue acompanhando a gente no blog e redes sociais, deixe a sua dúvida nos comentários.

Caso queira conversar comigo sobre os efeitos da LGPD para sua empresa basta clicar no botão abaixo!

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é consulta-ao-advogado-2-598x133.jpg

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.